quarta-feira, 21 de setembro de 2011

Reciclagem e flores

Bom dia com muitas flores, pessoas!!!

Antes de começar a falar, de novo, sobre as ideias para a festa do marido preciso desabafar. Hoje de manhã fiquei muito decepcionada com a falta de educação de um dos porteiros lá do prédio. Moro lá desde junho. Fui conhecer todos os funcionários, me apresentei, fui gentil, mas um fez cara de desdém: o Alexandre, do turno da manhã. Saio para trabalhar às 7h10, 7h20. Por mais que eu tenha acordado mal humorada sou educada e dou bom dia para todo mundo. Do vizinho ao jardineiro, do síndico ao porteiro. E o tal Alexandre nunca responde. Tudo bem, eu continuo fazendo a minha parte e dia após dia, chova ou faça sol, meu bom dia esta lá lindo e sorridente. O que me deixou fula da vida hoje é que repeti o meu gesto e ele o dele de surdo-mudo. Aí que logo atrás veio um vizinho, deu bom dia e ele respondeu! Aí encuquei! Qual é o problema dele? Vai cagar no mato, né? Vontade de dar uma resposta... mas deixa pra lá.

♥♥♥♥♥♥♥♥♥♥♥♥♥♥♥♥♥♥♥

Vamos falar de coisa boa e nada melhor que uma festa para alegrar sufocar, cansar, estressar meus dias. Adoro blogs que mostram que com muito ou pouco dinheiro se consegue fazer uma festa bacana. Estou sempre visitando, dando uma espiadinha por aí e as ideias borbulham nesse povo.

Então, esses dias conheci a Maria Reciclona, um blog super bacana com ideias simples e lindas de fazer e ajudar o meio ambiente. Nem sou muito ligada nesse tema, mas confesso que adoro fuçar catar um lixinho.  Fiquei inspirada com o slogan "Reduza, Reutilize, Recicle".

E ontem, vendo as fotos do aniversário do marido da queridíssima Margaretss mais inspirações. E o que deu? Flores de papel (ainda em produção) e uma Caixa para apoio dos pratos. Querem ver minhas produções?

Crepom amarelo - R$ 0,65
Caixotinhos de fruta do conde (pinha) que peguei no lixo.
Arrumei um cantinho na área para lixar.
Aqui pintada, mas não finalizada.

2 comentários:

disse...

sou gamada em reciclagem!sou fã da Margaretess, ela tem ótima idéias ne?
depois nos mostre finalizada.
OLha, odeio gente mau humorada ou sem educação. ACho que nós não temos nada com o problema das pessoas nem ela dos nossos, então dar bom dia, e tratar bem as pessoas, é um gesto de educação.
Acho que isso eu posso falar bem. Eu nunca deixo transparecer que estou mau humorada. Tem um funcionário de um restaurante que frequentamos que sempre pergunta:vc não tem problemas não? Esta sempre sorrindo. (ôo ele nem imagina o tanto de problemas).
beijos

R.Monteiro disse...

Oi ! lendo e gostando muito do seu blog!!!
Seu sobrenomeme chamou atenção...vc tem algum parente q mora em Guadalupe(RJ)? Fabinho?


saúde e paz

 
design by suckmylolly.com